A raiva é uma zoonose, ou seja, pode ser transmitida ao ser humano e é responsável por 30 a 70 mil mortes humanas por ano (em África, na Ásia e na América do Sul). O prognóstico para animais infetados é mau, culminando na morte em poucos dias, pelo que é extremamente importante a vacinação contra a raiva (a partir dos 3-6 meses).

Qual é o vírus que causa a Raiva e como se transmite?

A Raiva é causada pelo vírus da Raiva, da família Rhabdoviridae. O vírus transmite-se através saliva (quando animais infetados mordem outros animais ou pessoas), e através do ar.

O vírus invade o organismo, atinge o sistema nervoso central do cão, provoca encefalite e leva à morte poucos dias após infeção. Afeta maioritariamente carnívoros, mas todos os mamíferos são suscetíveis.

Quais são as principais espécies “atacadas” pelo vírus da Raiva?

  • Raposa
  • Coiote
  • Cão
  • Morcego
  • Texugo
  • Guaxinim

Quais são os sintomas da Raiva?

Os sintomas numa primeira fase incluem alterações do comportamento, apatia e reações exageradas ao ruído e ao toque. Na fase seguinte a agressividade torna-se evidente, com a manifestação de comportamentos “enraivecidos” (mordem outros animais e objetos). Na última fase, os músculos da cabeça e do pescoço paralisam, há hipersiália (salivam exageradamente), dificuldade em engolir, culminando na paralisia generalizada que leva à morte.

Como se pode tratar?

Não existe nenhum tratamento para a raiva!

É obrigatório que animais com suspeita de terem sido infetados pelo vírus da raiva, que tenham estado em contacto com outros suspeitos de infeção, bem como com animais não vacinados que tenham mordido outras pessoas ou animais, sejam colocados, por ordem do Médico Veterinário Municipal, em isolamento durante pelo menos 15 dias (para averiguar o aparecimento de sinais clínicos), por questões de saúde pública. O tempo de quarentena poderá ser aumentado, dependendo do caso em questão.

Como prevenir a Raiva?

A prevenção passa pela vacinação, a partir dos 3-6 meses de idade. A revacinação atualmente é feita de 3 em 3 anos (tendo em conta o laboratório produtor da vacina administrada – informe-se com o seu Médico Veterinário na altura da vacinação).

Existe Raiva em Portugal?

Em Portugal, a raiva está erradicada há alguns anos, tal como em muitos países do mundo. Contudo, o controlo mantém-se através da vacinação obrigatória de todos os cães.

Daniela Leal
Médica Veterinária de Animais de Companhia

Published by Daniela Leal

# Experiência Mestrado Integrado em Medicina Veterinária pelo ICBAS, U.Porto. Realizou estágios em Portugal, Espanha e no Reino Unido e conta com 3 anos de experiência em Clínica de Animais de Companhia. A Nutrição Clínica e a Oftalmologia são áreas clínicas de especial interesse. # A minha relação com os cães Nos últimos 8 anos vi cães diferentes todos os dias – fascina-me a forma como encaram a vida com felicidade, proporcionando sentimentos positivos a quem os rodeia. Lá em casa a Kia, com 5 anos, é atualmente o membro mais novo da família :) Adoramos ir juntas passear à praia!

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *