Numa fase inicial a maioria dos cachorros têm um cheiro característico. No entanto, o facto de serem desastrados e pisarem as necessidades, fazem com que comece a ganhar um odor desagradável. Por isso, quando dar banho ao seu cão bebé?

Os cachorros são seres bastante frágeis e com baixa capacidade de regular a temperatura de forma eficaz. Além disso, o banho constitui sempre um evento stressante, que pode contribuir para a diminuição da imunidade. Assim, é importante que este antes do primeiro banho esteja completamente vacinado e desparasitado, ou seja, por volta das 16 semanas de vida (no final do protocolo vacinal)

Se o seu cachorro necessitar de banho antes deste período, o melhor será levá-lo ao seu veterinário ou a um local especializado. Pode sempre começar com toalhitas próprias para cães.

O que necessita?

Depois de decidir quando dar banho ao cão bebé é importante que tenha:

  • Toalha.
  • Escova adequada.
  • Secador.
  • Banheira ou outro recipiente.
  • Champô para cachorros.
  • Biscoitos.

Como dar banho ao seu cachorro?

Para dar banho ao seu cachorro deve sempre escolher um local calmo e tapado (preferencialmente a casa de banho) para evitar correntes de ar que o possam prejudicar.

1º Escovagem: comece por escová-lo bem assim consegue retirar o máximo de pêlo morto possível. Sempre de forma calma e pode começar o treino com reforço positivo nesta altura para que ele fique mais calmo.

2º Temperatura: verifique a temperatura da água (água morna) e depois pode começar! Não coloque o chuveiro em cima da cabeça e orelhas dele e até pode tapar as orelhas para assim diminuir o stress no banho e que ele não ganhe otites devido à humidade.

3º Reforço positivo: relaxe-o durante todo o processo com biscoitos e brincadeira. Todo o processo deve ser uma experiência agradável para si e para o seu cachorro.

4º Secagem: chegamos à secagem que pode ser o momento mais complicado de todos devido ao barulho associado ao secador. Aqui é super importante que o pêlo e a pele do seu animal fiquem bem secos, pois ficando húmido ele vai rapidamente adquirir um odor desagradável rapidamente e propicia o desenvolvimento de dermatites. Primeiro utilize uma toalha para absorver o excesso de água, compressas macias para limpar o interior das orelhas e depois utilizar um secador para deixar o pelo bem seco. Não se esqueça do biscoito!

Se não for feito adequadamente, o banho pode tornar-se um evento traumatizante e há animais que têm fobia a este momento!

Se não conseguir realizar todo o processo, vá por fases e habitue-o aos diferentes passos separadamente para que seja mais fácil

Filipa Pinheiro

Médica Veterinária de Animais de Companhia

Leave a comment