Existem várias teorias sobre o porquê de os cães tanto adorarem este tipo de brinquedos.

Pelo instinto de caça

A teoria mais comum é a de que os cães privilegiam este tipo de brinquedos, devido ao seu instinto de caça. O facto de os cães serem descendentes dos lobos leva a que assimilem o som do brinquedo ao de uma presa assustada, e os instintos do cão fazem-no reagir a estes ruídos. Isto explica o porquê dos cães perderem o interesse no brinquedo quando o seu barulho diminui – a presa está morta. Contudo, alguns cães não perdem o interesse até que o brinquedo esteja totalmente destruído.

Muitas pessoas tendem a rejeitar esta teoria pelo afeto que sentem pelo seu companheiro, levando a pensar que o seu querido e fiel patudo não é um verdadeiro caçador. Contudo, quem defende esta teoria diz não se poder lutar contra a natureza.

Ao deixar o seu cão brincar com estes brinquedos, deixa-o ser um cão. Deixá-lo “caçar” o seu brinquedo fá-lo libertar imensa energia e libertar o seu lado selvagem. Se o seu cão tiver o tempo adequado com o brinquedo, pode reduzir inclusive comportamentos indesejados com outros objetos ou mesmo com pessoas.

Para terem a sua atenção

A atração dos cães pelos brinquedos com barulho poderá advir da sua interação com humanos. Se pensarmos nisso, ao fazerem este barulho, prendem também a nossa atenção. Poderá nem sempre ser uma atenção positiva, mas o seu cão preferirá tê-la do que não ter qualquer atenção da sua parte.

Ver o cão ficar entusiasmado com um brinquedo é ótimo para os donos. Porém, deve recordar que quando o cão começa a ficar obcecado com ele e a tentar destruí-lo, é hora de lho retirar. Lembre-se que a ingestão de um corpo estranho deste tipo, pode levar o seu cão à mesa de cirurgia. Felizmente, nem todos os cães chegam a este tipo de extremos.

Para enriquecimento mental

O acto de morder estes brinquedos leva a à estimulação mental que os cães procuram e desejam. O som do brinquedo ativa o centro de recompensa do cérebro do cão. Isto gera sentimentos de prazer no seu cérebro, que o faz querer morder ainda mais.

Ao brincar, o cão exercita-se, mantendo-se também ocupado e reduzindo a sua ansiedade.

Causa-efeito

Uma outra teoria diz que a reação do cão aos barulhos do brinquedo é unicamente um efeito face a uma causa. Os cães gostam dos brinquedos com barulho, simplesmente porque fazer barulho. Por outras palavras, gostam do resultado de morder o brinquedo e deste produzir som. Para um cão, o ato de brincar com estes brinquedos, é uma experiência divertida que lhe dá uma recompensa instantânea.

Independentemente da teoria, aproveite e dê um destes brinquedos ao seu cão. Ele adorará!                                            

Mónica Carvalho

Médica Veterinária

 

Published by Mónica Carvalho

Experiência Mestrado Integrado em Medicina Veterinária pelo ICBAS – U.Porto em 2015. Efetuou diversos estágios em Portugal e Espanha, e dedica-se à prática clínica desde então, tendo em 2018 decidido singrar por um projeto novo de serviços médico-veterinários ao domicílio. Tem como áreas de interesse a medicina interna, neurologia e dermatologia, tendo desenvolvido particular interesse pela nutrição animal. A minha relação com os cães De um amor incondicional. Fascinada desde a infância e apaixonada até então. Aos meus 13 anos, próprio da rebeldia da idade, trouxe para casa um cachorrinho. Nesse dia disse aos meus pais: "este é o nosso cão, o novo membro da família". Desde então foi sempre uma casa cheia de animais! Neste momento temos a Naomi e a sua filhota Daisy, duas maravilhosas Labradoras, juntamente com um casal de gatos, a Kitty e o Mickey, ambos “adotados”.

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *