Conhece o segredo para proporcionar uma vida saudável e duradoura ao seu melhor amigo de 4 patas? Vamos desvendá-lo aqui: uma dieta equilibrada e de boa qualidade! Encontrar a melhor comida para cães não é fácil, mas vamos ajudá-lo a facilitar a sua escolha.

Quais os ingredientes que a melhor comida para cães deve ter?

Proteína fresca

Seja carne ou peixe é importante que a proteína da comida do seu cão seja fresca, pois sofre menos processamento e mantém as suas qualidades nutricionais. Este é um ingrediente muito importante que deve constar na melhor comida para cães!

Pré-bióticos

São fibras que são fermentadas pelas bactérias boas do intestino, dando origem a um “ambiente” ótimo para o crescimento da flora intestinal normal. Isto dificulta o crescimento de bactérias patogénicas, responsáveis por distúrbios gastro-intestinais. Como exemplo de pré-bióticos existem o FOS (fruto-oligossacáridos), MOS (manano-oligossacáridos) e GOS (galacto-oligossacarídeos).

Pró-bióticos

São bactérias boas (por exemplo, Lactobacillus) que crescem no intestino e melhoram a digestão do seu cão.

Condroprotetores

Glucosamina e condroitina, têm efeito anti-inflamatório e ajudam na formação de cartilagem, retardando o seu desgaste. São especialmente importantes em cães em crescimento ou idosos, raças de grande porte ou animais com osteoartrose.

Óleo de peixe

Rico em ómegas 3 e 6, com ação anti-inflamatória ajudando no sistema digestivo e cardíaco, mas também na pele.

Legumes e frutas

São fontes de fibra e de nutrientes, fornecendo energia extra ao seu cão!

Anti-oxidantes

Alecrim, chá-verde e cravo-da-índia são exemplos de ingredientes que ajudam a combater agentes tóxicos para o organismo. Retardam o envelhecimento celular e previnem o crescimento de células tumorais.

Ana Matias

Médica Veterinária

Published by Ana Matias

Experiência Terminou o Mestrado Integrado em Medicina Veterinária pela Universidade do Porto (ICBAS) em 2014. Desde então tem-se dedicado à Clinica de Animais de Companhia, com especial interesse nas áreas de Imagiologia, Reprodução Animal e Oncologia Clínica. Pós-graduada e certificada a nível europeu em Diagnóstico por Imagem pela ESPVS. A minha relação com os cães Desde sempre que não sei existir sem a presença destes animais. Ensinaram-me a admirá-los, respeitá-los e amá-los ao ponto de me darem força para me tornar na pessoa que sou hoje profissionalmente e a nível emocional. A Dora é a menina que me acompanha faz 8 anos, uma verdadeira rafeira de raça, como costumo dizer :) Enche-me os dias e o coração.