O que é esterilização e/ou castração?

A esterilização é um procedimento cirúrgico comum e de rotina, onde os órgãos reprodutores do seu cão são removidos. Nos machos envolve a remoção dos testículos e nas fêmeas a remoção dos ovários e, na grande maioria das vezes, também do útero. Orquiectomia e ovariohisterectomia são os termos que designam estes procedimentos, respetivamente.

O pós-operatório corresponde ao período imediatamente após a cirurgia até recuperação total e cicatrização da pele e tecidos. Os cuidados das feridas pós-operatórias envolvem a limpeza, proteção e controlo da pele, sendo o seu objetivo evitar a ocorrência de complicações e permitir a cicatrização rápida da ferida.

Na maioria dos casos, com um cuidado adequado, as incisões cirúrgicas cicatrizam completamente no espaço aproximado de 2 semanas.

Quais os cuidados a ter após a cirurgia?

Em casa, se o seu patudo foi esterilizado, além da medicação que foi prescrita pelo seu Médico Veterinário, aquando da alta médica, deve ter alguns cuidados:

  • Evitar esforços e corridas nos primeiros 2-4 dias
  • Manter a sutura e os pontos limpos e secos (evitar passear por sítios onde possa molhar ou sujar a sutura)
  • Evitar que o seu patudo lamba ou roa os pontos e/ou a sutura
  • Desinfetar a zona da incisão:  idealmente a desinfeção deve ser realizada com soro fisiológico seguido de uma solução antisséptica tal como solução iodada ou clorexidina. Gaze ou compressas estéreis são sempre preferíveis a algodão, pois este pode deixar partículas agarradas aos pontos de sutura ou aos tecidos.

Após as fases iniciais da cicatrização e a retirada dos pontos pelo seu Médico Veterinário algumas soluções cutâneas como pomadas cicatrizantes podem ajudar a manter a hidratação e a evitar a formação de cicatrizes mais exuberantes.

Em suma, com alguns cuidados e muito carinho, a recuperação do seu patudo é facilmente atingida, e livre de complicações 🙂

Helena Ferreira

Médica veterinária de Animais de Companhia

Published by Helena Ferreira

Experiência Mestrado Integrado em Medicina Veterinária no ICBAS - Universidade do Porto, concluído em 2017, tendo realizado vários estágios em Portugal e nos EUA onde aprofundou conhecimentos na área de Anestesia, Cuidados intensivos, Cardiologia e Radiologia. Desde de 2017 a trabalhar em clínica de animais de companhia com especial interesse nas áreas de Cirurgia e de Medicina Interna. A minha relação com os cães Os cães fazem parte da minha vida desde que a minha memória me permite lembrar. Cresci com eles e aprendi o significado de altruísmo e resiliência. São o verdadeiro exemplo se felicidade genuína! estão sempre lá para nós! Cá em casa tenho a Cuchi, uma “rafeirinha” com 15 anos mas espírito de cachorro! É um amor, a não ser quando se mete com os gatinhos cá de casa :)

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *