Border CollieBorder collieBorder collieBorder collie Border collie

Published by Daniela Leal

# Experiência Mestrado Integrado em Medicina Veterinária pelo ICBAS, U.Porto. Realizou estágios em Portugal, Espanha e no Reino Unido e conta com 3 anos de experiência em Clínica de Animais de Companhia. A Nutrição Clínica e a Oftalmologia são áreas clínicas de especial interesse. # A minha relação com os cães Nos últimos 8 anos vi cães diferentes todos os dias – fascina-me a forma como encaram a vida com felicidade, proporcionando sentimentos positivos a quem os rodeia. Lá em casa a Kia, com 5 anos, é atualmente o membro mais novo da família :) Adoramos ir juntas passear à praia!

Join the Conversation

3 Comments

  1. Cão de porte médio, que necessita de atividade física diária. A displasia do cotovelo e da anca, podem ocorrer em alguns cães desta raça em idade jovem, pelo que o despiste destas patologias é importante. Patologias oculares (nomeadamente atrofia progressiva da retina) podem ser frequentes em alguns cães desta raça, pelo que se aconselha um check-up oftalmológico regular.

  2. Ser dono de uma Border Collie, na minha experiência, é uma constante loucura. Ela é louca pela bola, pelos paus, pelo frisbee, pela água, por agility, por correr, por brincar, tudo menos descansar. Louca pelos donos, uma mimalha, mas que não passa confiança a ninguém na rua.
    Precisamos de muita energia para acompanhar a sua vontade diária de explorar o mundo.

  3. Raça com personalidade e complexa. Não queremos outra raça nas nossas vidas. Bella tem uma energia, é teimosia e única. Com personalidade humana que não aceita um não como resposta. Sherlock é um macho muito meigo e sempre à procura de comida e mimo! São muito diferentes um do outro, mas partilham a mesma sede de aprender e gastar energia.

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *