Para uma melhor vida, juntos

BlogSaúde

Como saber se o meu cão tem anemia?

A anemia carateriza-se por uma diminuição dos eritrócitos (glóbulos vermelhos) no sangue. É uma condição que se relaciona com várias patologias. Venha descobrir os sinais de alerme!

Descubra a comida ideal para o seu cão: personalize a sua receita.

Dê uma vida melhor ao seu cão

Descubra a comida ideal para o seu cão: personalize a sua receita.

Simular
Simular

Em que consiste a anemia e porque surge?

A anemia pode resultar de três processos diferentes:

  • Por perda de sangue (hemorragia);
  • Por destruição de eritrócitos – hemólise;
  • Pela ausência de produção de eritrócitos.

Pode ser classificada como regenerativa (em que o organismo tem a capacidade para produzir novos eritrócitos), como no caso das hemorragias e hemólise, ou não regenerativa (aquelas em que o organismo não consegue produzir novos eritrócitos), como acontece em algumas doenças crónicas e em doenças medulares. De acordo com o grau, pode descrever-se como leve, moderada ou severa.

Quais as principais causas de anemia nos cães?

Como suspeitar de uma anemia?

Os sinais clínicos variam com o grau de severidade da anemia. Mucosas pálidas (veja aqui a importância da cor das gengivas no cão) é o sinal clínico mais sugestivo em cães anémicos. Contudo, podem surgir sinais como apatia, anorexia, perda sangue na urina e/ou fezes e cansaço.

Devo levar o meu cão ao Médico Veterinário se achar que está anémico?

Sim, com a maior brevidade possível.

Como se diagnostica?

Através da recolha de sangue e realização de um hemograma. Se o hematócrito (parâmetro que indica a percentagem de eritrócitos no volume da sangue total) estiver abaixo dos valores de referência podemos concluir que animal está anémico. No entanto a anemia não é um diagnóstico primário, e portanto são necessários mais exames complementares para saber a causa primária.

Como se trata a anemia?

É fulcral o tratamento da causa primária que conduziu à anemia.
Em casos severos, quando o hematócrito é menor que 20% está indicada a transfusão de sangue (concentrado de eritrócitos).

A relação entre anemia e alimentação

A anemia nos cães não tem relação direta com a alimentação. Porém, a adopção de uma dieta premium, equilibrada nutricionalmente favorece o sistema imunitário dos cães, aumentando a sua resistência perante doenças. Encontre aqui ração personalizada para o seu cão!

Filipa Calejo
Médica Veterinária de Animais de Companhia

Para uma melhor vida, juntos

Descubra um mundo de nutrição à medida do seu cão, desde comida a suplementos desenvolvidos por veterinários, entregue em sua casa.

Começar agora