Pastor Belga

O Pastor-belga, também conhecido como o Groenendael, é uma de quatro variedades de Belgas, todos nomeados em homenagem a pequenas vilas belgas: Groenendael e Tervuren, de pelo comprido, Laekenois de pelagem áspera e Malinois de pelo curto.
Esta raça é conhecida pela sua lealdade e agilidade, bastante ativa e com fortes instintos protetores.

Samoiedo

A origem desta raça está ligada ao povo Samoieda que vivia no norte da Rússia. Na sua origem estes cães tinham como função ajudar a caçar renas e a puxar trenós. São da mesma família do Spitz mas de porte médio, chegando em adultos a pesar 30kg. A sua pelagem é comprida e espessa e de cor branca. É um cão extremamente dócil e extremamente ligados à sua família.

Pequinês

Originários da China, e criados exclusivamente para serem animais domésticos, os pequineses eram os animais de estimação oficiais do Palácio Imperial Chinês. Considerada uma das menores raças de cães do mundo, tem a aparência de um leão em miniatura e destaca-se pela sua lealdade e versatilidade.

Cane Corso

Originário de Itália, era inicialmente um cão de guarda e de caça. Devido às alterações no mundo rural que ocorreram no século XX, esta raça esteve quase em extinção. De grande porte, o seu peso varia entre os 40 e 50 kg. A sua esperança média de vida é de 11 anos. Como cão de guarda que é, é leal e obediente, sendo muito desconfiado com estranhos.

Terra Nova

Os Terranova são uma raça de porte grande, originária do Canadá, onde os pescadores a utilizavam como cão de trabalho. São cães que adoram água, e são utilizados para tarefas de água e resgate aquático. A sua densa pelagem preta ou castanha é também muito característica da raça, assim como o seu carácter calmo e leal.

São Bernardo

Raça de cães de porte grande criados por volta do século XVII na área dos Alpes Suíços. A sua origem está ligada ao frio, neve e montanhas. Esta raça foi criada pelos monges que viviam no Mosteiro de Grande São Bernardo, daí o seu nome. Este mosteiro deu asilo aos viajantes, e o objetivo deste animal era encontrar pessoas perdidas nos arredores. Um facto curioso sobre estes cães é que tinham uma pequena garrafa de licor no colarinho para que pessoas perdidas pudessem beber e se aquecer.

Galgo

O galgo uma das raças mais antigas conhecidas. As suas origens remontam a cerca de 10.000 anos atrás, quando era utilizado principalmente para a caça, devido ao seu olfacto apurado e à sua tremenda velocidade. Era utilizado principalmente para a caça de lebres e coelhos. Hoje em dia ainda é utilizado para este fim, além do cão de corrida e, claro, cão de companhia.

Caniche

O Caniche é uma raça criada em França e pensa-se que pode ter descendido de cruzamentos de diferentes raças de cães de água, daí o seu pêlo encaracolado. Eram usados para caçar aves aquáticas, principalmente patos. Mais tarde, tornaram-se cães de companhia muito populares nos tribunais europeus. Eles são animais muito versáteis e inteligentes. Existem variedades de diferentes tamanhos, desde o anão até ao gigante.