Porque que os cães têm medo dos foguetes?

Barulhos fortes e desconhecidos assustam os patudos. Por isso é que os nossos amigos de 4 patas têm medo dos foguetes.

Sinais de ansiedade e medo:

É relativamente fácil de reconhecer se um patudo está ou não com medo dos foguetes. Os sinais de medo podem ser reconhecidos pelos tutores, sendo que os mais frequentes são:

  • Vocalização em excesso (ladrar, uivar, etc.);
  • Tremores;
  • Inquietação;
  • Necessidade de se esconder;
  • Colocação do rabo entre as pernas;
  • Urinar;
  • Arfar;
  • Salivação em excesso;
  • Dilatação das pupilas.

Como preparar os patudos e o ambiente para situações como esta?

  • Coloque distrações pela casa (como brinquedos que o patudo goste);
  • Coloque música ambiente (coloque uma melodia que acalme os patudos: “A day in the life” é uma boa opção. Jazz e músicas calmas em geral costumam ser uma boa opção nestas situações);
  • Tenha à disposição um sítio para que ele se possa esconder (com uma manta e um brinquedo familiares);
  • Se sair de casa, não demonstre movimentos de intenção para que ele não perceba que vai ficar sozinho;
  • Não lhe faça demasiadas festinhas nem dê demasiados mimos, como se o estivesse a proteger, na altura em que ele possa ter mais medo (pode aumentar a sensação de insegurança);
  • Se ficar em casa aja normalmente com ele, para que não lhe transmita insegurança;
  • Se possível, não o deixe lá fora e mantenha as janelas e cortinas fechadas (para diminuir a entrada de barulho e luz).

O que utilizar para acalmá-los nestas situações?

  • Coleiras ou comprimidos com feromonas apaziguantes (Adaptil®): as coleiras têm uma duração de cerca de 1 mês, e o comprimido pode ser dado em situações mais esporádicas (como esta). Deve dar o comprimido um tempo antes do momento esperado de stress. As feromonas apaziguantes têm como objetivo acalmar os patudos em situações de stress e barulho;

 

  • Coletes “anti-stress”: recentemente está a ser estudado o impacto da utilização de coletes que podem funcionar em alguns cães com sinais de ansiedade. O objetivo é transmitir uma sensação de conforto, pela ligeira pressão que é aplicada no corpo do animal.

A ansiedade e hiperatividade provocada pelos foguetes pode ser perigosa…

Para além de ser desconfortável para os patudos, em cães que estão num ambiente exterior (como jardim ou pátio) os foguetes podem assustar tanto ao ponto do patudo fugir de casa (saltando o portão, por exemplo). Certifique-se que em noite de festa não deixa os patudos sozinhos lá fora.

Daniela Leal

Médica Veterinária de Animais de Companhia

 

Published by Daniela Leal

# Experiência Mestrado Integrado em Medicina Veterinária pelo ICBAS, U.Porto. Realizou estágios em Portugal, Espanha e no Reino Unido e conta com 3 anos de experiência em Clínica de Animais de Companhia. A Nutrição Clínica e a Oftalmologia são áreas clínicas de especial interesse. # A minha relação com os cães Nos últimos 8 anos vi cães diferentes todos os dias – fascina-me a forma como encaram a vida com felicidade, proporcionando sentimentos positivos a quem os rodeia. Lá em casa a Kia, com 5 anos, é atualmente o membro mais novo da família :) Adoramos ir juntas passear à praia!

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *