Está a dar a comida certa ao seu cão?

BlogAlimentação

Frutos secos: quais é que o cão pode ou não comer?

Quem tem em casa patudos gulosos?! É verdade os nossos melhores amigos caninos gostam muito de experimentar coisas novas, mas algumas podem ser perigosas para eles! É o caso dos frutos secos, nem todos são seguros.

-30% para experimentar sem compromisso com o código OS30

Saiba o que o seu cão deveria estar a comer... Descubra a comida ideal para o seu cão, desenvolvida à sua medida.

-30% para experimentar sem compromisso com o código OS30

Descobrir receita
Descobrir receita

O facto de alguns alimentos serem tóxicos para os cães e para nós humanos não, está relacionado com a metabolização dos mesmos no organismo deles. Eles têm enzimas diferentes e também processos de metabolização hepática (fígado) distintos. Por isso apesar de nós comermos frutos secos não quer dizer que todos possam ser dados ao seu cão.

Os frutos secos são ricos em gordura e por isso, mesmo os que eles podem comer, devem ser dados com precaução e em pequenas quantidades.

Lembre-se que a base da alimentação do seu cão deve ser uma ração premium para cães adequada à fase de vida e suas características: ajudamos a criar a receita ideal para o seu cão aqui.

Frutos secos que não podem comer:

  • Nozes pecan;
  • Nozes macadâmia.

Este tipo de nozes são consideradas tóxicas para os cães. Pensa-se que existe uma toxina nestas nozes, ainda desconhecida, que provoca problemas gastrointestinais (vómitos e diarreia) e até mesmo alterações no sistema nervoso, podendo causar convulsões.

Não é recomendado oferecer qualquer fruto seco que esteja envolvido em sal, açúcar, caramelo ou chocolate, entre outros. Estes “extras” podem provocar crises de hipertensão, pancreatites ou gastroenterites.

Não devem comer:

  • Amêndoas.

Podem causar obstruções gastrointestinais e alterações digestivas, como vómitos e diarreia.

Podem comer:

Mas apenas em pequenas quantidades! Recomendamos se sejam sempre oferecidos sem casca, para reduzir o risco de obstrução. Os extras não devem ultrapassar 10% da ingestão diária calórica do seu cão.

Se souber que o seu cão ingeriu frutos secos que não deve comer ou em quantidades grandes fale com o médico veterinário.

Inês Santos

Médica Veterinária

Está a dar a comida certa ao seu cão?

Cada cão tem necessidades únicas e precisa de uma alimentação à medida. Descubra a comida certa para o seu cão, experimente sem compromisso com 30% de desconto. Use o código OS30 para usufruir.

Receber oferta